Quarta, dia 8, marcou mais um dia de protestos dos servidores do MPRS

0
104

A quarta-feira, dia 8 de maio, marcou mais um dia de protestos contra o descaso da administração do MPRS com o Plano de Carreira dos servidores. O movimento, que iniciou em 2018, segue ocorrendo toda semana, como forma da categoria demonstrar sua indignação e revolta contra uma situação que se arrasta há mais de dez anos. O tema também foi pauta, juntamente com a eleição para PGJ, dos roteiros realizados durante a semana pela direção do Sindicato.

O compromisso do PGJ de enviar proposta até maio para apreciação e avaliação dos trabalhadores ainda não se concretizou. Nem mesmo após os fortes apelos das entidades para que a proposta fosse apresentada antes do processo eleitoral do MPRS, tendo em vista que era claro que a eleição de escolha do novo Procurador-Geral teria impacto nesta questão.

A expectativa dos servidores é de que independente do resultado eleitoral, esta questão seja, de fato, tratada com a prioridade que exige. Entidades nacionais e representações da categoria em diversos estados já prestaram sua solidariedade (veja aqui) aos trabalhadores do MP gaúcho, por entenderem o absurdo que representa a condição de serem os únicos do país que ainda não têm um plano de carreira. Em suas falas, fizeram um apelo no sentido de que o MPRS resolva esta situação, que mantém os servidores do RS numa condição vexatória e desconcertante, em contradição a posição do órgão em nível nacional quanto a qualidade e presteza dos serviços, que está entre os melhores do país.

Assembleia dia 31/05

O SIMPE-RS reitera a realização da assembleia geral da categoria para o dia 31 de maio e destaca a importância da participação de todos. O PCCS será um dos principais temas do encontro, que avaliará a realização de manifestações maiores e mais fortes e, inclusive, a realização de greve, caso persista a postura do MP em relação ao Plano de Carreira.

Veja fotos da manifestação

Assessoria de Comunicação

10/05/2019 10:30:53

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here